Regulador Financeiro da Nova Zelândia Adverte sobre Riscos de Investimento em Bitcoin

A FMA da Nova Zelândia uniu-se à FCA do Reino Unido para alertar os investidores sobre os riscos potenciais associados ao investimento em moedas criptográficas.

O regulador financeiro da Nova Zelândia alertou os investidores sobre os perigos de investir em Bitcoin. Os comentários foram direcionados às recentes flutuações no preço das principais moedas criptográficas, que mostraram uma grande amplitude.

Negatividade, Liderada pelas recentes subidas e descidas do preço do BTC

A Autoridade dos Mercados Financeiros da Nova Zelândia (FMA) emitiu um aviso franco para os investidores do país, considerando sua tomada de moeda criptográfica e principalmente Bitcoin. Um recente relatório de notícias do Herald citou o cão de guarda financeiro do país, dizendo que os comerciantes de criptografia têm que estar preparados para „perder seu dinheiro“ se investirem no ativo digital.

A FMA havia comentado diante da mídia, apontando o mais recente barulho do preço da Bitcoin, quando o valor do ativo criptográfico mostrou bastante a volatilidade. Estas flutuações drásticas levaram ao recente conselho da autoridade financeira, alertando os investidores para as rochas submarinas ao confiarem no BTC e na moeda criptográfica em geral.

Há alguns dias, a Autoridade de Conduta Financeira do Reino Unido (FCA) também alertou os investidores sobre o risco potencial de investir em empreendimentos específicos de ativos digitais. O cão de guarda do Reino Unido apontou a natureza incerta e arriscada da indústria criptográfica. Ele destacou que os investidores devem estar preparados para os piores cenários, incluindo, mais uma vez, a perda de todo o seu dinheiro.

Sobre esse assunto, a FCA do Reino Unido deu um passo em direção a uma maior segurança para os investidores, estabelecendo empresas de moeda criptográfica que trabalham no país para se registrarem como estabelecimentos aprovados. A autoridade britânica prorrogou recentemente o prazo para as empresas criptográficas existentes de 10 de janeiro de 2021 até 9 de julho de 2021.

Preparando para maus fechamentos

De acordo com a FMA, os investidores criptográficos da Nova Zelândia, de olho na Bitcoin, têm que ter cuidado para que estes ativos tragam alto risco e volatilidade.

„A FMA compartilha as preocupações da FCA (Financial Conduct Authority) de que algumas bolsas criptográficas estão prometendo altos retornos e os clientes devem estar preparados para perder todo seu dinheiro“, lê o relatório.

Outra razão para a opinião do cão de guarda é que, assim como em muitos outros países, as moedas criptográficas ainda não estão regulamentadas na Nova Zelândia.

Entretanto, como um plano de reserva, as autoridades financeiras da Nova Zelândia aconselham fortemente que os investidores que ainda planejam investir em moedas criptográficas devem pelo menos confiar nas bolsas registradas no Registro de Prestadores de Serviços Financeiros (FSPR).

Além disso, um porta-voz da FMA instou futuros investidores a verificar se a bolsa irá armazenar o NZD e os ativos em moeda criptográfica em uma conta fiduciária.